Projeto da ONG/PE utiliza computadores antigos da Caixa para capacitar pessoas de baixa renda

23 jul 2018
0

Projeto da ONG/PE utiliza computadores antigos da Caixa para capacitar pessoas de baixa renda

     Em junho, a ONG Moradia e Cidadania – Coordenação Pernambuco entregou 10 computadores, oriundos da Caixa Econômica Federal, a duas instituições sociais do Estado: cinco equipamentos à ADESPE (Associação de Desenvolvimento Social de Pernambuco), do Cabo de Santo Agostinho; e mais cinco ao CAM (Centro de Assistência à Mulher), de Limoeiro. Os equipamentos serão utilizados na inauguração de cursos de informática que capacitará um total de 65 pessoas em vulnerabilidade social.

     As doações estão inclusas no projeto Inclusão Digital, que consiste basicamente na destinação dos antigos computadores da Caixa Econômica Federal a instituições sociais que desejem abrir salas de informática para capacitar o público alvo da ONG Moradia e Cidadania.

      “Pretendemos iniciar o curso no mês de agosto. Nós vamos ensinar a introdução da informática, a manusear o Windows, Word, Excel, Power point e internet. Vamos beneficiar 40 pessoas”, esclareceu o presidente da ADESPE, Itamar, após receber os computadores.

     A ADESPE é responsável por realizar várias ações sociais que atendem a população carente da comunidade Ponte dos Carvalho, do Cabo. Uma das mais importantes é o “Grande Sopão”.

Ação social desenvolvida pela ADESPE em Ponte dos Carvalhos

     O coordenador do setor tecnológico da Caixa – Recife, Marivaldo Amâncio, mostra-se satisfeito com os resultados gerados pela parceria ONG e Caixa. “Registramos nossos parabéns a ONG Moradia e Cidadania pelas relevantes ações e resultados satisfatórios no processo de Inclusão Social e Digital”, disse Marivaldo.

     O gestor considera a parceria importante não só na questão social, mas também ambiental, visto que os computadores do banco são reutilizados. “A parceria com a ONG fortalece a gestão sustentável de bens e serviços da Caixa, com foco na responsabilidade socioambiental e alinha-se ao modelo de gestão da empresa e ao seu Planejamento Estratégico. Além disso reforça o reconhecimento da Caixa pela sociedade brasileira devido a sua atuação marcante na melhoria das condições de vida da população”, explicou Marivaldo.

Categorizados em: