Coordenação SP faz ação em prol dos 16 dias de Ativismo – uma parceria com a GIPES, APCEF e AGECEF

14 dez 2018
0

Coordenação SP faz ação em prol dos 16 dias de Ativismo – uma parceria com a GIPES, APCEF e AGECEF

     A Moradia e Cidadania – Coordenação São Paulo realizou no último domingo, dia 09 de dezembro de 2018, uma ação em prol do Movimento “16 dias de Ativismo”. Com intuito de sensibilizar os empregados da Caixa Econômica Federal em relação à problemática da violência contra a mulher, a iniciativa teve foco na arrecadação de itens para realização de bazares nas comunidades atendidas pela Coordenação SP, divulgação do trabalho realizado pela ONG e captação de novos associados, bem como, e principalmente, na realização de um dia especial voltado às mulheres da Vila Joaniza, com café da manhã, exposição de painéis de mulheres que fazem a diferença, contação de histórias, dicas de auto-massagem, palestras e atividades de dança.

     A ação, que ocorreu no Centro de Eventos da APCEF-SP, em Vila Joaniza, contou com a participação da Sra. Tatyane Cunha, representando a GIPES-SP; Adriana Santana, representando a AGECEF; a fisioterapeuta Roberta Santonieri; a psicanalista Monica M. Haragutchi,  os voluntários Fiama, Germana Miranda e Elieno Oliveira; os diretores da APCEF-SP Aníbal, Elza e Ivy; bem como  da ONG/SP com a organização, os convites e acompanhamento das atividades. Ao todo foram beneficiadas cerca de 60 pessoas.

Sobre o movimento “16 dias de ativismo” – 25 de novembro a 10 de dezembro 

     A campanha 16 dias de ativismo teve origem em 1991 organizada pelo Centro de Liderança Global das Mulheres que fixou o período de 25 de novembro a 10 de dezembro para discutir, refletir, bem como denunciar as várias formas de discriminação e violência contra as mulheres no mundo. 

     No I Encontro Feminista da América Latina e Caribe, o dia 25 de novembro foi declarado Dia Internacional de Não Violência contra as Mulheres em homenagem às irmãs Mirabal, assassinadas pelo governo ditador da República Dominicana nesse dia, em 1960. No dia 10 de dezembro, quando a campanha se encerra, é comemorado o Dia Internacional dos Direitos Humanos. Atualmente mais de 130 países desenvolvem essa campanha. 

Dia 25 de Novembro é comemorado o Dia Internacional de Combate à Violência Contra a Mulher.

     Este dia torna-se de grande importância no nosso contexto brasileiro, já que somos o 5º país do mundo onde mulheres mais morrem vítimas de violência, ocorre 1 estupro acontece a cada 11 minutos, 1 mulher é assassinada a cada 2 horas, e há 5 espancamentos a cada 2 minutos.

(Fonte: Instituto Patrícia Galvão)

Confira a Galeria:

Categorizados em: