O recém-criado Coral Caixa Cidadania convida os associados para seu primeiro ensaio que ocorrerá amanhã, 15 de agosto de 2019, no Átrio dos Vitrais, das 18:30 às 20:30 horas. O Coral é um projeto da ONG Moradia e Cidadania, integrado por empregados e aposentados da Caixa Econômica Federal. Saiba mais sobre o projeto:

Objetivos

O coral, de modo abrangente, tem por objetivo a integração social, a formação cultural, a disseminação de técnicas vocais e musicais, bem como o lazer e relaxamento. O ensino da técnica visa guiar o aluno para um maior conhecimento acerca de seu instrumento vocal, sua saúde e possibilidades de uso, permitindo um canto mais seguro e fluido. A prática permite, ainda, que o maestro alcance, dentro do repertório escolhido, o ápice da qualidade sonora de seus cantores.

Metodologia

      Os ensaios serão semanais, divididos em preparação técnico-vocal e de repertório. As aulas de técnica vocal incluirão relaxamento, aquecimento vocal e técnica pura e aplicada, dentro da real necessidade do grupo. Os ensaios também serão continuamente acompanhados, a fim de certificar, sempre, o rendimento e evolução do trabalho realizado. O repertório é preparado através da análise do coro inteiro (ou de naipes deste), traçando sempre as necessidades identificadas pela equipe artística, bem como pela diretoria do coral.

Benefícios

      Tendo em vista os diversos benefícios para quem pratica esta atividade, especialmente nos âmbitos social e psicológico, muitas empresas de renome, tais como a Petrobrás, Rede Globo, SBT, IBGE e BNDES adotam e incentivam a prática do canto coral pelos seus funcionários.

      Uma vez que é uma atividade coletiva por natureza, incentiva a interação comunitária efetiva, qualidade cada vez mais requisitada pelas empresas. Ademais, de acordo com o Jornal do Brasil, a música reduz os níveis de estresse no organismo, fortalece o sistema imunológico, auxilia no combate e prevenção de transtornos como a depressão e a ansiedade, além de corroborar no controle de vícios como o álcool e o cigarro.

 [1] Jornal do Brasil. Os benefícios do canto coral para a saúde do corpo e mente.

Ensaios

      Os ensaios ocorrerão uma vez por semana, com duração de duas horas, e os dias e horários serão combinados de acordo com a necessidade do grupo. Eles serão compostos pela preparação técnico-vocal e preparação de repertório, visando a necessidade da diretoria artística, além da exposição de noções básicas de música.

      A escolha do repertório final será feita pela diretoria artística do coral, podendo ser classificada em três categorias: repertório de entretenimento; didático-educativo;  e comemorativo.

Concertos

      É de grande importância para o coro divulgar seu trabalho através de apresentações, sejam elas comerciais, oficiais ou sociais, atendendo, inclusive, além das necessidades do grupo, às da comunidade.

      A direção artística, mediante aprovação da direção administrativa, ficará encarregada de selecionar o repertório a ser apresentado, visando sempre atender às necessidades da situação, e administrar a agenda e disponibilidade do grupo para eventuais apresentações.

Os profissionais

      O coral em questão contará com o maestro e pianista Deyvison Miranda e da preparadora vocal Lívia Bergo.

      Deyvison Miranda é natural de Brasília, bacharel em piano pela UnB e licenciado pelo UNICEUB. Integrante do corpo docente do Centro de Educação Profissional Escola de Música de Brasília, é pianista colaborador do Curso Internacional de Verão de Brasília (CIVEBRA) desde 2001, bem como de concursos nacionais de canto.

      Já a soprano Lívia Bergo, é natural do Rio de Janeiro, mestre em canto pelo Conservatorio di Musica di Perugia – Italia, graduada em Música pela UnB e formada no curso técnico em piano. É, ainda, diretora artística do Recanto da Cultura, preparadora vocal do premiado Coral Brasília e do recém estruturado Coral da Câmara, leciona canto e ministra workshops.

Por GB Sites em Brasília e Temas Wordpress